20.3 C
Brasília
segunda-feira, março 1, 2021

Está ‘quase tudo certo’ para nova rodada do auxílio emergencial, diz Bolsonaro

  O presidente da República Jair Messias Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (01/03), que está "quase tudo certo" para o pagamento de uma nova rodada do auxílio emergencial....

93% dos Argentinos não queria projeto da Lei do Aborto

Leia Também

Está ‘quase tudo certo’ para nova rodada do auxílio emergencial, diz Bolsonaro

  O presidente da República Jair Messias Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (01/03), que está "quase tudo certo" para o pagamento de uma nova rodada do auxílio emergencial....

  Faturamento no quarto trimestre foi recorde e chegou a R$ 12,6 bilhões, crescimento de 33,2% em relação ao mesmo período de 2019   A Caixa Seguridade...

INEP divulga gabaritos da reaplicação do Enem. Resultado sai em março de 2021

    O Ministério da Educação (MEC) divulga, nesta segunda-feira (01/03), os gabaritos e os cadernos de questões da reaplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Participantes...

Presidente Jair Bolsonaro pode privatizar empresas estatais por decreto

  Segundo especialistas, a maioria das estatais na lista não precisa do aval dos parlamentares e pode ser incluída no PND, a desejo do governo, por...
Jonas Mellohttps://www.jornaldelesteaoeste.com/
Jornalista radialista e editor-chefe do Jornal de Leste a Oeste e do blog do Jonas Mello

 

 

Uma pesquisa da Universidade do Norte Santo Tomás de Aquino (Unsta) afirmou que 93% dos argentinos são contra o projeto de legalização do aborto que será debatido no Senado na terça-feira, 29 de dezembro de 2020. A informação é do grupo internacional de notícias, ACI. A pesquisa, realizada pela Cátedra de Sociologia da Unsta, também indica que 92% acham que o aborto não é uma questão de urgência na saúde pública. Este trabalho de pesquisa entrevistou 8.101 pessoas entre 20 e 24 de dezembro, em 23 províncias argentinas. 

As respostas obtidas por redes sociais vêm de 70% de mulheres e 60% de mulheres em fase de fecundidade. Dessas, 95% consideram que a vida humana começa desde a concepção. Segundo a pesquisa, 93% consideram que, dado o contexto mundial de pandemia, este não é o momento de debater no Congresso Nacional esse projeto de lei de legalização do aborto; 6% consideram que é o momento; e 1% não sabe. A pesquisa mostra que 92% acham que o aborto não deve ser legalizado em nenhum momento da gravidez, 7% consideram viável até o terceiro mês.

O relatório indica ainda que 67% dos argentinos consideram que o aborto deve ser sempre proibido, 25% consideram que deveria ser permitido em alguns casos como estupro, perigo à vida da mulher ou malformação do feto. “Observa-se que é um problema que, embora afete toda a sociedade, atinge sobretudo as mulheres e as que estão em fase de fecundidade”, concluem o advogado Luis Britos e o psicólogo Francisco Viejobueno, da Cátedra de Sociologia da carreira de Psicologia da Faculdade de Ciências da Saúde, com a contribuição da professora Irene Gutiérrez, da Cátedra de Antropologia Sócio-Cultural.

 

- Advertisement -

Ùltimas Notícias

Está ‘quase tudo certo’ para nova rodada do auxílio emergencial, diz Bolsonaro

  O presidente da República Jair Messias Bolsonaro afirmou nesta segunda-feira (01/03), que está "quase tudo certo" para o pagamento de uma nova rodada do auxílio emergencial....

  Faturamento no quarto trimestre foi recorde e chegou a R$ 12,6 bilhões, crescimento de 33,2% em relação ao mesmo período de 2019   A Caixa Seguridade...

INEP divulga gabaritos da reaplicação do Enem. Resultado sai em março de 2021

    O Ministério da Educação (MEC) divulga, nesta segunda-feira (01/03), os gabaritos e os cadernos de questões da reaplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Participantes...

Presidente Jair Bolsonaro pode privatizar empresas estatais por decreto

  Segundo especialistas, a maioria das estatais na lista não precisa do aval dos parlamentares e pode ser incluída no PND, a desejo do governo, por...

Vacina totalmente nacional contra o coronavírus pode ficar pronta em um ano

  A UFMG - Universidade Federal de Minas Gerais concluiu a primeira etapa da pesquisa de uma vacina contra o novo coronavírus. A novidade é...