20.3 C
Brasília
domingo, fevereiro 28, 2021

Material para produzir 12 milhões de doses da vacina de Oxford chega ao Brasil

Uma remessa de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) suficiente para produzir 12,2 milhões de doses de vacina contra a COVID-19 chegou na tarde deste sábado (27/02) ao Aeroporto Internacional do Rio...

Crédito consignado com uso do FGTS começa a operar nesta quarta-feira (26) em todo o país

Leia Também

Material para produzir 12 milhões de doses da vacina de Oxford chega ao Brasil

Uma remessa de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) suficiente para produzir 12,2 milhões de doses de vacina contra a COVID-19 chegou na tarde deste sábado (27/02) ao Aeroporto Internacional do Rio...

Amazônia-1: primeiro satélite 100% brasileiro vai para o espaço neste domingo (28)

  Quando o brasileiro acordar neste domingo (28/02), poderá olhar para o céu e se orgulhar . Mesmo sem conseguir ver, é lá que estará...

Coronavírus: Brasil passa de 252 mil mortes e tem novo recorde

  O Brasil acumula um total de 10.455.630 casos de COVID-19 e 252.835 pessoas mortas pela doença, segundo boletim do Conselho Nacional de Secretários da...

Presidente da Câmara, Arthur Lira chama governadores para discutir Orçamento

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), convidou neste sábado (27/02), governadores a participarem do debate no Congresso Nacional para a formulação do...
Jonas Mellohttps://www.jornaldelesteaoeste.com/
Jornalista radialista e editor-chefe do Jornal de Leste a Oeste e do blog do Jonas Mello

Modalidade estará disponível para 36,9 milhões de trabalhadores com juro mensal máximo de 3,5%

A partir desta quarta-feira (26/09) os trabalhadores brasileiros poderão contar com uma nova opção de crédito, com o início das operações de empréstimo consignado com uso do FGTS como garantia. A Caixa será o primeiro banco a operar a modalidade, que estará disponível em todo o país.A alternativa será uma oportunidade aos trabalhadores da iniciativa privada em dificuldades para quitar dívidas, limpar o nome, fazer pequenas reformas ou um novo investimento. 
A nova linha de financiamento terá taxas mais baratas e estará à disposição de 36,9 milhões de trabalhadores com carteira assinada. Para garantir que o crédito seja realmente acessível, os juros não poderão ultrapassar 3,5% ao mês, percentual até 50% menor do que o de outras operações de crédito disponíveis no mercado. O prazo de pagamento será de até 48 meses (quatro anos). “Nosso objetivo é disponibilizar aos trabalhadores uma linha de financiamento que seja realmente viável tanto para tomar o dinheiro quanto para pagar depois”, explica o ministro do Trabalho, Caio Vieira de Mello, que preside o Conselho Curador do FGTS.
Os valores emprestados dependerão do quanto os trabalhadores têm depositado na conta vinculada do FGTS. Pelas regras, eles podem dar como garantia até 10% do saldo da conta e a totalidade da multa em caso de demissão sem justa causa, valores que podem ser retidos pelo banco no momento em que o trabalhador perder o vínculo com a empresa em que estava quando fez o empréstimo consignado.  O uso de FGTS para crédito consignado foi aprovado pelo Conselho Curador do FGTS, presidido pelo Ministério do Trabalho, e está previsto na Lei 13.313/2016 (http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2015-2018/2016/Lei/L13313.htm). Além de Caixa, outros bancos também poderão disponibilizar a nova linha de crédito. Basta seguirem as regras estabelecidas em lei.
 
Fonte: Assessoria de Imprensa – Ministério do Trabalho
- Advertisement -

Ùltimas Notícias

Material para produzir 12 milhões de doses da vacina de Oxford chega ao Brasil

Uma remessa de Ingrediente Farmacêutico Ativo (IFA) suficiente para produzir 12,2 milhões de doses de vacina contra a COVID-19 chegou na tarde deste sábado (27/02) ao Aeroporto Internacional do Rio...

Amazônia-1: primeiro satélite 100% brasileiro vai para o espaço neste domingo (28)

  Quando o brasileiro acordar neste domingo (28/02), poderá olhar para o céu e se orgulhar . Mesmo sem conseguir ver, é lá que estará...

Coronavírus: Brasil passa de 252 mil mortes e tem novo recorde

  O Brasil acumula um total de 10.455.630 casos de COVID-19 e 252.835 pessoas mortas pela doença, segundo boletim do Conselho Nacional de Secretários da...

Presidente da Câmara, Arthur Lira chama governadores para discutir Orçamento

O presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), convidou neste sábado (27/02), governadores a participarem do debate no Congresso Nacional para a formulação do...

Brasil tem recorde de mortes por COVID-19 pelo terceiro dia seguido

  O Brasil teve na sexta-feira (26/02), seu terceiro dia consecutivo com recorde diário de mortes por infecções do novo coronavírus, na média móvel de...