20.3 C
Brasília
quinta-feira, fevereiro 25, 2021

Crateús: Deputada Aderlânia homenageia Pequeno Jacob com Centro de Esportes

      Foi aprovado, nesta quinta-feira (25/02), na Assembleia Legislativa do Ceará, o Projeto de Lei 422/2019, de autoria da deputada Aderlânia Noronha (SD/CE), que denomina...

Noruega diz que não há ligação entre morte de idosos e vacina da Pfizer

Leia Também

Crateús: Deputada Aderlânia homenageia Pequeno Jacob com Centro de Esportes

      Foi aprovado, nesta quinta-feira (25/02), na Assembleia Legislativa do Ceará, o Projeto de Lei 422/2019, de autoria da deputada Aderlânia Noronha (SD/CE), que denomina...

Câmara aprova admissibilidade da PEC sobre imunidade parlamentar

  Clique aqui para ler o texto da PEC 03/2021   A Câmara dos Deputados votou na quarta-feira (24/02) a admissibilidade da PEC 03/2021 que determina que a prisão em...

Segundo o TCU, pagamentos irregulares do auxílio emergencial totalizaram R$ 54 bilhões

  Aplicativo auxílio emergencial do Governo Federal.   Pagamentos irregulares do auxílio emergencial representaram um rombo aos cofres públicos no valor de R$ 54,66 bilhões em 2020,...

Daniel Silveira sente abandono de colegas e critica base governista na PEC da Imunidade: ‘fui boi de piranha’

O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) reclamou de parlamentares da base do governo de Jair Messias Bolsonaro que na semana passada votaram pela sua prisão e, ontem, pela...
Jonas Mellohttps://www.jornaldelesteaoeste.com/
Jornalista radialista e editor-chefe do Jornal de Leste a Oeste e do blog do Jonas Mello

As autoridades de saúde da Noruega afirmaram que não há vínculo entre a vacina da Pfizer/BioNTech contra a COVID-19 e a morte de 33 idosos que receberam a primeira dose do imunizante. Em entrevista coletiva nessa segunda-feira (18/01), a diretora da Autoridade de Saúde Pública norueguesa, Camilla Stoltenberg, disse 13 casos foram analisados de forma mais abrangente. Segundo ela, as vítimas eram “pessoas muito velhas, frágeis e gravemente doentes”. Todos tinham mais de 80 anos.

“Em relação às causas das mortes, não houve análise”, declarou. Mas, de acordo com Stoltenberg, “não está estabelecido que haja excesso de mortalidade ou que as mortes estejam relacionadas ao imunizante”. “Todas as mortes que ocorrem nos primeiros dias de vacinação são avaliadas cuidadosamente. Não podemos descartar que as reações adversas à vacina que ocorrem nos primeiros dias após a vacinação (como febre e náuseas) podem contribuir para um curso mais sério e desfecho fatal em pacientes com doença subjacente grave”, lê-se na nota.
- Advertisement -

Ùltimas Notícias

Crateús: Deputada Aderlânia homenageia Pequeno Jacob com Centro de Esportes

      Foi aprovado, nesta quinta-feira (25/02), na Assembleia Legislativa do Ceará, o Projeto de Lei 422/2019, de autoria da deputada Aderlânia Noronha (SD/CE), que denomina...

Câmara aprova admissibilidade da PEC sobre imunidade parlamentar

  Clique aqui para ler o texto da PEC 03/2021   A Câmara dos Deputados votou na quarta-feira (24/02) a admissibilidade da PEC 03/2021 que determina que a prisão em...

Segundo o TCU, pagamentos irregulares do auxílio emergencial totalizaram R$ 54 bilhões

  Aplicativo auxílio emergencial do Governo Federal.   Pagamentos irregulares do auxílio emergencial representaram um rombo aos cofres públicos no valor de R$ 54,66 bilhões em 2020,...

Daniel Silveira sente abandono de colegas e critica base governista na PEC da Imunidade: ‘fui boi de piranha’

O deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) reclamou de parlamentares da base do governo de Jair Messias Bolsonaro que na semana passada votaram pela sua prisão e, ontem, pela...

Governo vai tirar Correios e seu passivo de R$14 bilhões das costas do cidadão

  A privatização da estatal Correios é tão necessária quanto urgente, e por essa razão o ministro Comunicações Fábio Faria deflagrou o processo na quarta-feira...